queda de cabelo

Transplantes capilares

Transplante capilar é o transplante de cabelo de zonas dadoras para a zona com calvice.

Onde está: Cabelo forte > Transplantes capilares


Transplante capilar

O transplante capilar é de forma sucinta o transplante de cabelos de zonas dadoras com maior densidade para as zonas com falta de cabelo.

O cabelo que nasce nas zonas laterais e traseira, são normalmente mais densos e tendem a ser permanentes na maioria dos indivíduos.

No entanto em pessoas com falta de cabelos nessas zonas não é possível fazer transplantes capilares, pois as zonas dadoras não possuem capacidade para doar folículos.

Também é possível o transplante de cabelos entre outras partes do corpo, por exemplo, para as sobranceiras ou transplantes de cabelos de pernas para outras partes.

No entanto estes transplantes são menos comuns pois esses cabelos têm diferentes características.

Os primeiros transplantes capilares conhecidos foram feitos pelos Japoneses por volta de 1930.

No entanto apenas em 1952 foi realizado o primeiro transplante capilar da era moderna, pelo Dr. Norman Orentreich nos EUA.

Até há pouco tempo os transplantes capilares tinham um resultado final que não era agradável nem parecia natural, pois os transplantes eram de grande dimensão e os transplantes não ficavam com o aspecto do cabelo normal.

Além disso implicava cicatrizes e recuperações lentas do couro cabeludo.

Actualmente já é possível realizar um transplante capilar com um aspecto visual convincente e com uma recuperação rápida.

No entanto o médico tem de ter em atenção além do procedimento cirúrgico também o posicionamento e desenho da implementação capilar, caso contrário, mesmo com procedimentos modernos o transplante capilar terá um aspecto visual pouco natural

Actualmente o transplante capilar consiste na extracção de unidade foliculares individuais, o que revolucionou esta cirurgia capilar.

Este novo procedimento foi inicialmente descrito em 1995 por Robert Bernstein e William Rassman e é o procedimento mais usado (e recomendado) actualmente, para a recuperação do aspecto visual após a queda de cabelo.

Este método permite a extracção individual de folículos capilares o que permite a realização de transplantes capilares com um aspecto muito semelhante ao existente antes da queda de cabelo.

No entanto o médico tem de ser muito experiente para que além de dominar a técnica de remoção consiga fazer a implantação de forma a imitar o modelo de crescimento do cabelo de cada indivíduo.

Tenha em atenção que o transplante capilar através de unidades foliculares individuais ainda não é praticado por todas as clínicas do sector, por isso informe-se antes de decidir.

Aconselhamos sempre que obtenha várias opiniões de diferentes médicos especialistas antes de optar pelo transplante capilar.





Blog cabelo forte

Causas da calvice

Tratamentos

Publicidade